Eu sei que sou um lixo, sei que estou sozinho, sei que minha vida é uma droga, sei que sou feio. Você não precisa esfregar isso na minha cara!
Paulo Hepburn. 
Dentro dela
tem um
coração
bobo,
que é sempre
capaz de amar
e de acreditar
outra vez.
Caio Fernando Abreu.  
E chegamos até aqui. Nossa, é tão lindo olhar para trás, para o passado e lembrar-se de momentos que foram incríveis com você. Teve um começo tão bobo onde só éramos amigos e nunca deixamos de ser mais temos algo mais que amizade, temos um amor de homem para mulher, de mulher para homem. Passamos por tantas coisas tanto boas ou como ruins, mas acho que foi necessário aprendermos com todas elas. Você sempre me disse que nosso amor resiste a tudo ao tempo a distancia enfim, realmente você estava certo. Pude ver e perceber que você é o único que me faz feliz e me compreende em tudo, melhor amigo, namorado e daqui alguns anos será meu marido. E sim eu quero isso para a minha vida toda, quero você e nada vai mudar essa minha opinião essa minha escolha.
Te Amo  
Eu quis ligar pra alguém. Contar o que tinha acontecido, e que doía. Mas não havia ninguém ali. Ninguém com que eu pudesse contar. Ninguém disposto a abrir mão do sono para ouvir minhas queixas. Ninguém que se importasse. Então eu virei pro lado e a dor veio. Rápida. Forte. Devastadora. Senti minha alma se rasgando ao lembrar daquelas palavras. E dói. Ainda dói.
Os 13 porquês.  
Você me fez acreditar no amor e desacreditar dele também.
Maligno
No primeiro dia você checa o telefone, a caixa de entrada, a campainha, todas essas coisas, a cada dois minutos. No dia seguinte, de cinco em cinco. Na terceira data, você passa a conferir tudo somente a cada meia-hora. Uma semana depois e você está olhando seu e-mail apenas duas vezes ao dia, uma bem cedo e outra antes de deitar mentalmente cansado. Passado um mês inteiro e você se flagra que permaneceu todo esse tempo escorado na sua poltrona feito um pudim, assistindo a vídeos, bebendo cervejas e esperando a vida dar na mesma. A parte boa é que você se dá conta que sobreviveu, conseguiu se arrastar até o outro lado do pântano e nem foi tão difícil assim, algo impensável no início de tudo. E agora está pronto pra ir a qualquer lugar, sair com quem ainda quiser sair contigo.
Gabito Nunes.  
Ela tinha namorado. Eu era um palerma. Ela era apaixonante. Eu era irremediavelmente sem graça. Ela era infinitamente fascinante. Então eu voltei para o meu quarto e desabei no beliche de baixo, pensando que, se as pessoas fossem chuva, eu seria garoa e ela, um furacão.
Quem é você alasca?